Você sabe a diferença entre Simpósio, Congresso e Seminário?

  • 30/11/2016

 

Existem alguns tipos de eventos que estão muito presentes na rotina de trabalho de profissionais de diversas áreas, principalmente no meio acadêmico. Os participantes vão a esses encontros técnicos ou científicos para aprender, debater e atualizar-se sobre um determinado assunto.

Simpósio, Seminário e Congresso são alguns dos modelos de evento mais escolhidos no meio corporativo, mas afinal, você saberia dizer qual é a diferença entre eles?

Essa informação é importante tanto para que os organizadores saibam exatamente quais as expectativas dos participantes e, também, para que os clientes consigam tomar a decisão de inscrever-se, ou não, de acordo com suas necessidades.

Entenda a diferença entre Congresso, Simpósio e Seminário:

Congresso:
É um momento utilizado para apresentar pesquisas e estudos científicos de determinada área do conhecimento. Os debates entre palestrantes e público são abertos e feitos em módulos ou sessões. Esse tipo de evento pode durar três ou mais dias.

Simpósio:
O Simpósio é uma reunião que, também, discute um determinado assunto. A diferença é que não são apresentadas pesquisas já concluídas e, sim, impressões sobre algum tema que é colocado em debate. Vários especialistas são colocados numa mesa para fazer sua argumentação e a plateia pode esclarecer algumas dúvidas no final do evento.

Seminário:
O objetivo desse evento é semear ideias. Nesse caso existe um tema central, ainda pouco explorado por estudiosos. Um orador é convidado para fazer uma exposição e, em seguida, deve levantar questões com o auditório e participar do debate. Esse tipo de evento é dividido em três momentos: a fase de exposição, a de discussão e a de conclusão.